Alpes suíços: 10 experiências imperdíveis na região

Compartilhe:

Viajar aos Alpes suíços, por si só, garante uma experiência inesquecível. Mas no inverno e com o roteiro certo, você pode aproveitar o que a Suíça tem de melhor a oferecer. Paisagens icônicas, colinas nevadas para esquiar, trilhas na natureza, a deliciosa culinária com os famosos queijos e chocolates suíços… Há uma infinidade de atrações para você curtir nas montanhas alpinas do país. Do esqui em St. Moritz, o berço dos esportes de inverno, a um dos passeios de trem mais incríveis do mundo, listamos abaixo 10 experiências imperdíveis para inspirar a sua viagem para os Alpes suíços. Confira!

Newsletter
Você na Neve

As principais informações sobre destinos, estações, esportes e dicas.

Newsletter
Você na Neve

As principais informações
sobre destinos, estações,
esportes e dicas.

1. Esportes na neve em St. Moritz: esquiar nos Alpes Suíços é pura emoção

Não poderíamos deixar de começar esta lista sem falar dos esportes de inverno e das estações de esqui da Suíça. Entre os destaques está St. Moritz, uma das estações de esqui mais luxuosas da Europa, localizada no coração da região de Engadina. Foi lá, inclusive, que nasceu o conceito de turismo de inverno, há mais de 150 anos. Apesar do esqui ser o principal esporte praticado nos Alpes Suíços, há muitas outras modalidades emocionantes para você experimentar, incluindo o snowboard, o esqui cross country e a caminhada com raquetes nos pés. Fora das montanhas, um mundo de entretenimento espera por você – de bares informais ao cassino, passando por casas noturnas elegantes.

 2. Glacier Express: um lindo passeio de trem nos Alpes suíços

Trem Glacier Express

Carinhosamente apelidado de “o trem expresso mais lento do mundo”, o Glacier Express proporciona uma bela viagem entre Zermatt e St. Moritz, descortinando belas imagens dos Alpes suíços pelo caminho. Com janelas panorâmicas, o comboio avança lentamente por uma rota cinematográfica que inclui túneis, pontes e alguns dos picos nevados mais famosos da região. Também é possível admirar as paisagens esculpidas pelo rio da Garganta do Reno e o vale de Domleschg, pontilhado de castelos. Sem dúvida, é um passeio pelos Alpes suíços que você não pode deixar de colocar no roteiro.

3. Conheça a montanha Matterhorn, um dos símbolos da Suíça

Além de ser conhecida pelos chocolates, queijos e relógios, a Suíça também é famosa por abrigar uma das paisagens de montanhas de neve mais imponentes do mundo: a Matterhorn, um dos símbolos do país. Com 4.478 metros, o pico mundialmente famoso pode ser visto facilmente a partir da cidade de Zermatt. Para isso, basta pegar o Matterhorn Glacier Ride – um dos teleféricos mais incríveis do mundo – e acessar a estação de montanha mais alta da Europa, a 3.820 metros de altitude.

4. Visite Jungfraujoch, a estação ferroviária mais alta da Europa

Jungfraujoch

Localizada no coração dos Alpes suíços, a 3.454 metros de altitude, Jungfraujoch é conhecida como o “Topo da Europa”; a estação ferroviária mais alta do continente. Além de contar com diversas atrações, o local tem dois mirantes onde você pode aproveitar o visual impactante dos Alpes suíços: de um lado, a vista da região de Mittelland até os Vosges; do outro, a geleira Aletsch, cercada por picos majestosos. Como lá em cima o cenário é branquinho o ano todo, muitos brasileiros aproveitam o passeio para ver neve pela primeira vez.

5. Celebre o Natal e o Réveillon nos Alpes Suíços

Natal em Montreux

Entre o Natal e o Réveillon, passe suas férias nos Alpes da Suíça para descobrir o encanto das cidades mais bonitas, seus mercados festivos e eventos tradicionais. Em Montreux, por exemplo, aproveite as diversas festividades temáticas do período, incluindo o maior Mercado de Natal do país. No roteiro, inclua também outras cidades dos Alpes suíços com atmosfera natalina: Gruyères, Lugano, St. Moritz, Zermatt e Lucerna.

6. Aproveite a gastronomia dos Alpes: Suíça em sua essência

Fondue suíço

Não tem como ir aos Alpes Suíços e deixar de experimentar a gastronomia local, com queijos, embutidos e chocolates irresistíveis. Considere o ar frio das montanhas um forte incentivo para saborear de tudo um pouco. Afinal, não há nada melhor que uma mesa farta para encerrar um dia nas pistas: cordon bleus crocantes, raclettes fumegantes, macaronis cremosos, spätzli saborosos e, claro, fondues borbulhantes – apenas alguns pratos locais que prometem aquecer o seu corpo no inverno e saciar a sua fome.

7. Museus e galerias de arte também não podem faltar no seu pacote de viagem para os Alpes suíços

Os Alpes têm muitos destinos turísticos além das estações de esqui . Em St. Moritz, por exemplo, você pode visitar o Museu Engadina para aprender um pouco mais sobre a cultura e tradição local, além do Museu Segantini, com belíssimas obras do artista de mesmo nome. Em Lucerna, uma das atrações imperdíveis é o Verkehrshaus der Schweiz (Museu Suíço do Transporte), o museu mais visitado do país.

8. Polo na neve e White Turf: experiências únicas nos Alpes da Suíça

White Turf

Voltando um pouco aos esportes de neve nos Alpes suíços, mais precisamente em St. Moritz, há duas modalidades únicas para você conhecer, bem diferentes dos esportes que você pode praticar nas estações de esqui: um torneio de polo na neve e o White Turf, uma corrida de cavalos que acontece sobre um lago congelado. As duas competições são realizadas entre janeiro e fevereiro, mas é bom olhar o calendário no site oficial de St. Moritz antes de reservar a sua passagem e hospedagem no resort de neve.

9. Um passeio histórico pelos Alpes suíços: cidades com construções medievais

O território onde está localizada a Suíça já foi palco de muitos fluxos migratórios da Europa e teve uma grande importância no período medieval. Lucerna, por exemplo, tem um centro histórico com uma série de construções desta época ainda muito bem preservadas, como a Ponte da Capela e a Torre d’Água. Montreux, Bellinzona e Chur são outros destinos dos Alpes suíços perfeitos para combinar viagem com atrações históricas.

10. Participe de um festival em homenagem às vacas alpinas

Vacas nos Alpes suíços

Não é nenhum segredo que vacas felizes produzem o melhor leite (e, portanto, o melhor queijo). O gado é tão apreciado nos Alpes suíços que há festivais – conhecidos como Désalpes – realizados em todo o país no outono em sua homenagem. Charmey, na região de Gruyères, dá um show brilhante. Os fazendeiros conduzem seus rebanhos para baixo das montanhas e para o vale, preparando-se para o inverno que se aproxima. Adornadas com grinaldas e coroas florais, as vacas desfilam pela cidade enquanto os habitantes locais, vestidos com trajes tradicionais, se juntam à celebração.

Gostou de conhecer essas experiências e curiosidades dos Alpes suíços? Agora é só montar o seu roteiro de viagem, reservar o seu hotel ou resort e desfrutar de tudo que essa belíssima região do mundo tem a oferecer!

Crédito das fotos: Shutterstock

Compartilhe:

Matérias Relacionadas